Literatura (O que eu li)

APL

Academia de Letras exibe “Menino de Engenho” durante Seminário em homenagem a Zé Lins do Rego

A Academia Paraibana de Letras exibe, às 16h desta sexta-feira (dia 20), o filme “Menino de Engenho”, do diretor Walter Lima Júnior. A exibição fará parte da programação do I Seminário de Estudos Literários, este ano dedicado à “Força do Regionalismo Literário em José Lins do Rego”, numa homenagem aos 80 anos da publicação de obras como “Usina” e “Histórias da Velha Totônia”.

Umberto Eco

A morte daquele Umberto que nos legou um eco de genialidade

Conheci Umberto Eco com “O nome da rosa”. O início é arrebatador, e ainda hoje, utilizo a chegada triunfal de Guilherme e Baskerville e Adso ao mosteiro em minhas aulas de Lógica e Algoritmo. Grande foi a expectativa para ler o seu segundo romance, “O pêndulo de Foucault”. Ai já não experimentei mais a mesma comoção. Insisti no próximo. Em “A ilha do dia anterior”, eu me convenci de ter perdido o romancista, talvez mais preocupado, àquela altura, em mostrar erudição e escrever para outros escritores.