PENSAMENTO PLURAL Festa estranha, com gente esquisita, por Hélder Brito Teixeira

Interessante o breve texto de Hélder Teixeira, abordando o comportamento estranho, nesses tempos de pandemia, de quem faz festa para quem pegou Covid e se curou, comparando que o mesmo não é feito para portadores de outras doenças, como câncer por exemplo. Confira íntegra…

Acho massa essa galera fazendo festa com quem venceu a Covid-19. Mas quem venceu um câncer, tem festa não? Quem venceu uma tuberculose, tem festa não? Quem venceu um meningite, tem festa não? Quem venceu um infarto, tem festa não? Quem venceu uma dengue hemorrágica, tem festa não? Quem venceu, se é que se vence, uma depressão, tem festinha não?

Vivemos num país tão hipócrita, tão escroto, que ter Covid-19, virou modinha, com direito a plaquinha, banda de música e balões coloridos.

Obviamente todas as outras doenças viraram coadjuvante, ninguém morre mais de outra coisa, nada é mais grave, na terra, do que com vírus chinês: Menina, fulano está com câncer!!! Ahhhh, besteira! Pior se tivesse Covid-19!

Festa estranha com gente esquisita…

Os textos publicados nesta seção “Pensamento Plural” são de responsabilidade de seus autores e não refletem, necessariamente, a opinião do Blog.